18/09/2014 14h17min - Polícia
7 anos atrás

Com a liderança em apreensões no País PF incinera 16 toneladas de drogas

liderança em apreensões

Aequivo ► A PF do Estado é a líder em apreensão de drogas no Pais

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: A Gazeta News


A Polícia Federal de Mato Grosso do Sul vai incinerar mais de 16 toneladas de entorpecentes na próxima sexta-feira (19), em Campo Grande. Ao todo serão destruídas 14,5 toneladas de maconha, 1,5 de cocaína, um quilo de haxixe e 245 frascos de lança-perfume nos fornos de um frigorífico localizado na rodovia BR-060, saída para Sidrolândia. Entre janeiro e agosto deste ano já foram tiradas de circulação 57,8 toneladas de drogas, o que representa aumento de de mais de uma tonelada nas apreensões em comparação com o mesmo período do ano passado. Deste modo, a PF do Estado segue como a primeira do país em número de apreensões, conforme dados divulgados pela própria instituição. As estatísticas refletem a atuação da polícia, principalmente nas regiões de fronteira com a Bolívia e Paraguai, voltada para o trabalho de inteligência com foco na integração e coordenação de atividades, propiciando não apenas à entidade, mas também a outras forças de segurança, maior efetividade no combate ao crime organizado. Mais policiais – Outro fator que elava os resultados positivos é o aumento no efetivo. Desde agosto, a PF empossou 63 novos servidores em Mato Grosso do Sul, sendo 14 em Campo Grande, dez em Corumbá, seis em Dourados, 11 em Naviraí, 16 em Ponta Porã, e seis em Três Lagoas. O Governo Federal autorizou ainda a contratação de mais 600 policiais federais, cujo edital do concurso deve ser publicado ainda este ano. Antes da incineração na Capital, a polícia destrói 800 quilos de cocaína em Corumbá, amanhã (18).