27/11/2020 09h39min - Geral
2 anos atrás

Campanha de combate a dengue foi desenvolvida nesta quinta-feira

Campanha de combate

B.Correa ► Agentes e Bombeiros participaram da ação de orientação de combate a Dengue

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Assessoria de Comunicação


Uma equipe do Núcleo de Vetores e Endemias da Prefeitura de Naviraí em parceria com 6º Grupamento de Bombeiros do município, atendendo a uma determinação do Ministério da Saúde, desenvolveu nesta quinta-feira, dia 26 de novembro, na Avenida Weimar Gonçalves Torres na rotatória com as ruas México e Alagoas, na área central da cidade, uma campanha de conscientização da importância de continuarmos firmes no combate ao mosquito da dengue, o Aedes Aegypti.

Ele é o mosquito transmissor da dengue e da febre amarela urbana. Menor do que os mosquitos comuns são pretos com listras brancas no tronco, na cabeça e nas pernas. Suas asas são translúcidas e o ruído que produzem é praticamente inaudível ao ser humano.

José Pereira que é gerente do Núcleo de Controle de Vetores e Endemias, disse que essa atividade educativa irá contar com a participação de uma equipe da saúde e uma equipe do Corpo de Bombeiros, bem como, uma equipe de nossos agentes de endemias, bem como pessoal da educação e saúde do controle de vetores.

"Será realizada uma panfletagem. Aqui será nesta quinta-feira e em outras localidades já fizeram no sábado. Isso é uma exigência do Ministério da Saúde. Na verdade o dia de combate é todos os dias mas vamos deixar claro à população que isso é importante, especialmente, neste momento de pandemia", frisou Pereira.

Expert no assunto por estar trabalhando há muitos anos nesse setor, ele disse que o ano de 2020 foi um ano bastante complicado porque as agroviroses transmitidas pelos aedes aedypti chegaram a 3.200 casos notificados, dos quais, 1.120 foram confirmados e o pior de tudo isso é que 03 pessoas vieram a óbito pela dengue.

“Esses números são assustadores e a gente precisa da adesão da sociedade para fazer esse controle do vetor aedes aegypti para que a gente não tenha no início do ano de 2021, o que ocorreu agora em 2020. Uma epidemia de grandes proporções”, concluiu ele.

 

  Ascom Prefeitura de Naviraí