29/02/2016 16h19min - Geral
7 anos atrás

Conselho de Segurança discute criação da Casa de Guarda para menores em Naviraí

Casa de Guarda

Jean Kleber ► Reunião discutiu a criação da Casa de Guarda para menores em Naviraí

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Assessoria de Comunicação


Na última quinta-feira (25) aconteceu ás 19:30 horas na sede do Rotary Club Naviraí mais uma reunião do CCS – Conselho Comunitário de Segurança que tem como atual presidente o rotariano e jornalista Odilo Balta. Vários presidentes de bairros e conselheiros estiveram presentes além do Comandante da PM, Ten. Cel. Ezequiel, comandante do Corpo de bombeiros major Torres, vereador Donizete Nogueira e João Guedes que representou a OAB local. Balta abriu a reunião destacando as ações do Conselho visando auxiliar o setor de segurança em busca de melhores condições de trabalho e apoio para que a população tenha confiança e possa viver em cidade sem violência. “Uma luta antiga que breve será realidade são as câmeras que já estão instaladas em vários pontos da nossa cidade”, adiantou o presidente.] O Comandante da Policia Militar apresentou alguns dados referentes ao trabalho realizado no ano passado o que deixou os Conselheiros bastante entusiasmados uma vez que os índices apontam uma queda na criminalidade em vários pontos da cidade. “Se compararmos com 2014, o ano de 2015 foi tranquilo, mas isso não quer dizer que vamos relaxar, pelo contrário, temos que melhorar todos os dias para proporcionar ao cidadão de bem um policiamento preventivo que iniba as ações de delinquentes”, apontou Ezequiel. Um assunto que tomou conta da reunião foi a situação dos menores infratores que estão acabando com o sossego da população, são detidos pela policia, levados a delegacia mas na mesma hora são liberados pela força da Lei. Dados apresentados pelo Ten.Cel Ezequiel mostraram que em torno de 50 menores de idade entre 12 e 17 anos já tem passagens pela policia praticando furtos, assaltos, roubos e até assassinatos na cidade. “A criação da Casa da Guarda para menores é a solução, com ela, o menor dependendo da infração, não volta para as ruas com tanta rapidez”, sugeriu o comandante. João Guedes em nome da OAB disse que a sugestão será levada ao presidente de sua entidade para ser debatido, assim com o vereador Donizete Nogueira que se prontificou em realizar uma audiência publica na Casa de Leis com a participação de todos os seguimentos da sociedade. “Este é o momento de união de todos, pois os marginais maiores de idade estão recrutando os nossos jovens e colocando- os no mundo do crime, a Lei nós não vamos mudar, então a construção da Cada de Guarda talvez seria uma saída mais adequada no momento”, expos o Presidente Balta. No final da reunião ficou decidido que haverá uma audiência com data a ser definida e autoridades, empresários, Órgãos Púbicos, como Prefeitura e Câmara, além dos todos os outros Conselhos serão convidados pata debaterem o assunto. redação