17/11/2016 14h43min - Naviraí
6 anos atrás

Equipe de MS é campeão da Copa Brasil de rodeio em Naviraí

Equipe do Mato Grosso do Sul é campeã na 1ª Copa Brasil de Montarias.

Marcos Meira ► Equipe de Mato Grosso do Sul composta pelo técnico Moacir Arnaldo e competidores Fabio Braz e Thiago Francisco Dude ambos de Naviraí, Sérgio Antônio Sobral, de Casa Verde, Fábio Gonçalves, de São Gabriel do Oeste e Anderson de Oliveira, de Mundo Novo,

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Assessoria de Comunicação


Em uma final emocionante a equipe de Mato Grosso do Sul compostas pelo técnico Moacir Arnaldo e competidores Fabio Braz e Thiago Francisco Dude ambos de Naviraí, Sérgio Antônio Sobral, de Casa Verde, Fábio Gonçalves, de São Gabriel do Oeste e Anderson de Oliveira, de Mundo Novo, sagrou-se campeã da 1ª Copa Brasil de Montarias, que foi realizada durante a ExpoNaviraí, nos dias 10,11 e 12 de Novembro. Durante dos três dias da ExpoNaviraí, seis estados brasileiro (PR, MT, GO, MG, SP e MS), estiveram disputando uma premiação de R$ 20, 000,00 mil reais. Cada estado era representado por cinco competidores. Na grande final do rodeio ficaram apenas quatro equipes, sendo Rondônia em 1ª lugar, Mato Grosso do Sul em 2ª, São Paulo em 3ª e Mato Grosso em 4ª. As emoções das montarias começaram a serem narradas pelo locutor Marcio Alexandre e logo em seguida foi à vez de Gleydson Rodrigues. Após as primeiras montarias da final, as equipes de São Paulo e Mato Grosso não tiveram bom desempenho e ficando assim sem chance de concorrer ao 1ª lugar. Os competidores de Mato Grosso do Sul, foi à terceira equipe a se apresentar, porém e os três primeiros peões não conseguiram parar em seus touros. O público que lotou a arquibancada e camarote ficaram apreensivos, e torciam para que os últimos dois peões da equipe do MS parasse em seus touros e fazendo um boa montaria para garantir boas notas e assim passar a frente da equipe de Rondônia que além de estarem em primeiro lugar em notas, seus competidores ainda não tinham feito suas montarias da finais. O competido Fabio Braz de Naviraí, foi o quarto cometido da equipe do MS, a se apresentar e fez uma ótima montaria, parou em seu touro, atingido a nota de 87.50 pontos. O quinto e último peão do MS a se apresentar foi Anderson de Oliveira, de Mundo Novo, que também parou em seu touro e atingiu a nota de 86 pontos. Com as duas notas a equipe do Mato Grosso do Sul, assumiu o 1ª Lugar da competição, porém ainda faltavam as montarias dos competidores do estado de Rondônia que passaram para o segundo lugar. O primeiro competidor da equipe de Rondônia, na conseguiu parar em seu touro e o público presente vibrava sendo incentivado pelo locutor Gleydson Rodrigues. O segundo, terceiro e quarto competidor de Rondônia também caíram, ficando a responsabilidade para o último competidor, a responsabilidade em parar em seu touro e conseguir uma nota maior do que as dos competidores do MS, pois só assim ganharia o campeonato. Todos apreensivos aguardavam a última montaria, pois ao abrir a porteira, em 8 segundo teria o resultado de quem seria a equipe campeã da 1ª Copa Brasil de Montarias em Touros. Quando a porteira se abriu, o competidor de Rondônia fez uma ótima montaria e parou em seu touro, porém os juízes lhe deram a nota de 84.50, o que de imediato foi questionada pelo técnico da equipe. Neste momento todos os peões e o técnico da equipe de Rondônia adentraram na arena, e foram para cima dos juízes questionando a nota, alegando que a nota foi baixa, não sendo equivalente com o nível da montaria. O clima chegou a ficar tenso, porém os juízes explicaram para a equipe de Rondônia e para o público presente, que conforme as na regras do rodeio, eles só podem começar a avaliar a montaria após a saída total da parte da paleta do touro de dentro dos bretes, e que nesta montaria ao abrir a porteira o touro demorou 4 segundo para sair, e só após isso começou a ser avaliado, o levando a ter uma nota não tão alta, devido ao seu desempenho. Somente após o ripley da montaria ser passada em câmera lenta, três vezes no telão, o técnico e equipe de Rondônia concordou com a decisão dos dois Juízes e parabenizaram a equipe de Mato Grosso do Sul pela vitoria do campeonato. PortaldoMS