27/10/2014 10h15min - Política
8 anos atrás

Humildade e verdade venceram arrogância e mentira da 'facção' PT, diz Reinaldo

arrogância e mentira

Balta ► Reinaldo desabafou dizendo que a verdade venceu a arrogância

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Assessoria de Comunicação


Foi a vitória da verdade e da humildade, contra a arrogância e a mentira. Assim resumiu o novo governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, ao chegar em seu comitê, na noite deste domingo (26), para comemorar com correligionários a vitória no segundo turno. Azambuja voltou a criticar a postura do partido do adversário, Delcídio do Amaral: chamou o PT de “facção, porque atacam a família das pessoas”. Destacou, logo no começo da entrevista, o apoio que recebeu dos familiares durante a campanha. Segundo o tucano, os familiares “sofreram muito com os ataques da facção”. Além disso, ao agradecer os eleitores, ressaltou que “pode contar com as pessoas de Mato Grosso do Sul que sempre defenderam uma nova política”. Falou, também, sobre os aliados. Na visão de Reinaldo, oito partidos que acreditam na “nova política”, além de prefeitos e vices, deputados, vereadores e demais apoiadores. “A partir de agora sou o governador de cem por cento dos sul-mato-grossenses. Não vou fazer como eles fizeram, de dividir o Estado entre os ricos e os pobres”, cutucou o tucano durante a entrevista. Reinaldo voltou a reclamar do Ibope, um dos únicos institutos de pesquisa que colocava Delcídio à frente nas intenções de voto. Classificou os números como algo “vergonhoso” e disse que “as pessoas votaram com a consciência”.