16/09/2014 09h59min - Educação
9 anos atrás

Justiça Eleitoral suspende transmissão das sessões da Câmara de Naviraí

suspende transmissão de sessão da Câmara de Naviraí

arquivo JCSul ► Até o final das eleições as transmissões das sessões ficam proibidas aqui em Naviraí

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: A Gazeta News


A Justiça Eleitoral do Estado suspendeu as transmissões por rádio e TV das sessões ordinárias e extraordinárias da Câmara Municipal de Naviraí,, até o final do primeiro turno das eleições, marcado para 5 de outubro. Segundo o site Campo Grande News, a solicitação para suspender as transmissões partiu da executiva municipal do PSDB, que entendeu que três vereadores locais estavam usando os discursos parlamentares em horário de sessão para fazer campanha e atacar o ex-prefeito do município e maior liderança tucana naviraiense, o deputado estadual Onevan de Matos, que disputa a reeleição. O presidente do diretório municipal do PSDB, Eugênio de Almeida Guedes, acusou os vereadores naviraienses de tecerem “críticas pesadas ao deputado e candidato local Onevan de Matos, com propósito meramente político, sem qualquer finalidade social”. O pedido foi feito através do advogado da legenda (PSDB) João Rorato Guedes que não quis comentar a decisão da Justiça. Para o Juiz Eleitoral da comarca local, Eduardo Lacerda Trevisan, as transmissões de áudio e vídeo das sessões da Câmara, davam aos vereadores candidatos maior tempo de exposição junto aos eleitores, o que, segundo o magistrado, fere o princípio da isonomia. “A todos os candidatos é assegurado o direito de se manifestar no rádio e na televisão por meio do espaço reservado para a propaganda eleitoral gratuita obrigatória, não podendo as transmissões das sessões da Câmara Municipal serem utilizadas para ampliar este espaço de comunicação para alguns candidatos”, explicou o magistrado.