31/03/2014 16h49min - Polícia
9 anos atrás

Novo comandante da PM em MS diz que quer ver 'policial nas ruas' e defende rigor

Resultados

Midia Max ► Valter quer resultados contra o crime

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Midiamax News


Aconteceu nesta manhã de segunda-feira (31), no Palácio Tiradentes, em Campo Grande, a solenidade da troca de comando da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul. Após cinco anos à frente da PM o coronel Carlos Alberto David dos Santos passou o Comando-Geral da instituição para o coronel Valter Godoy Rojas. A solenidade teve ainda formatura militar e desfile da tropa com a presença do governador André Puccinelli (PMDB) e do secretário da Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Wantuir Jacini. A missão do coronel Godoy é continuar a busca por melhores condições de trabalho, mais valorização para o policial militar, modernização e ampliação de estrutura e estreitar ainda mais laços com a comunidade. Depois de chefiar o Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira (GGI-Fron), o coronel disse que seu maior desafio é fazer um trabalho preventivo e ostensivo. “Quero ver o policial na rua para diminuirmos o índice de criminalidade”, afirma. De acordo com o coronel Godoy, o policial militar precisa ficar nas ruas para manter o nível de criminalidade dentro do aceitável. O comandante da PM disse também que é preciso fazer o enfrentamento de forma qualificada e dentro de um planejamento. Segundo o novo comandante, em sua administração a PM vai agir com energia de acordo com cada situação. O coronel disse que concorda com o governador André Puccinelli, em que diz que a Polícia Militar tem que agir com rigor. Desafios na fronteira O coronel Godoy afirmou que sabe dos desafios que vai enfrentar para combater a criminalidade na fronteira, mas como já comandou o policiamento na região conhece de perto as dificuldades. “Sei que os desafios são muitos, mas para conseguir um bom trabalho na prevenção dos crimes, irei manter a colaboração com outras forças. Esse trabalho já vem sendo feito e espero que esse acordo seja mantido”, finaliza.