10/05/2016 13h35min - Política
7 anos atrás

Reinaldo Azambuja anuncia obras na área da saúde em todo o Estado

Obras serão realizadas após o fim da caravana da saúde

Divulgação ► Reinaldo Azambuja durante apresentação da Caravana da Saúde

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Campo Grande News


O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) divulgou projetos e obras que serão realizadas após o fim da caravana da saúde, e possibilitarão que hospitais e unidades de saúde continuem realizando atendimentos e cirurgias. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (10) durante a apresentação do projeto no centro de eventos Albano Franco. Em Campo Grande serão realizadas três obras. A principal delas é a construção de um anexo no hospital regional, onde será feito um centro de reabilitação e dispobilização de novos leitos. “Com esse anexo , podemos dizer que o tamanho do hospital será duplicado”, ressaltou. Ainda de acordo com o governador, a ampliação do hospital do câncer será finalizada. Sobre o hospital do trauma, ele afirmou que já está sendo feita a fase de credenciamento da empresa que terminará a obra. “A intenção é que depois que passe a caravana da saúde, a fila para cirurgias não volte a crescer, e as pessoas vão ter hospitais capacitados para realizar tanto cirurgias quanto atendimentos durante o ano”, explicou Azambuja. Sobre as obras que serão realizadas no interior, o governador disse que Ponta Porã terá o primeiro hospital do Estado a ser administrado por uma organização social, e citou que em uma pesquisa feita em nível nacional, nove dos dez melhores hospitais públicos são administrados por uma OS. Os hospitais regionais de Dourados e Três Lagoas passarão por reformas, e a santa casa de Corumbá será ampliada. O governador finalizou falando sobre a criação de um centro de hemodiálise em Naviraí e que atenderá a região do Cone Sul. “Esses centros são importantes para que os pacientes distantes de Campo Grande não precisem vir três vezes por semana para a Capital, em vans ou ambulância. Eles poderão fazer o tratamento perto casa. Por essa razão construímos um centro em Coxim que atende toda a região norte”. CampoGrandeNews