12/05/2021 09h12min - Geral
um ano atrás

Sete cidades de MS estão sem vagas de UTI Covid-19 e ocupação é de 86% no Estado

UTI Covid-19 e ocupação é de 86% no Estado

Arquivo Tche Produções ► Situação nas Utis continuam critica em todos o Estado

Odilo Balta / jornalcorreiodosul@terra.com.br
Fonte: Midiamax News


Outras seis estão com ocupação crítica nos leitos de UTI Covid-19

Apesar do índice de ocupação das UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) para Covid-19 terem baixado em Mato Grosso do Sul, sete cidades do Estado estão sem vagas para atender os pacientes. De forma geral, a ocupação é de 86,42% em MS no final desta terça-feira (11).

Assim, o Estado possui 528 pacientes internados em UTIs. Como existem 611 leitos deste tipo, sobram 83 vagas para atender casos graves da Covid-19. Já nos leitos clínicos exclusivos para a doença, a ocupação é de 56,69%.

Então, 674 dos 1.189 leitos clínicos do Estado estão ocupados. Com isso, 515 ainda estão disponíveis. Em MS, 15 cidades possuem leitos de UTI para atender apenas pacientes Covid-19.

Dados são do Painel Mais Saúde, disponibilizado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde). Para matéria, foram utilizadas informações da atualização das 18h20.

Dessas, sete não possuem mais vagas para novas internações. Outras seis estão com nível de ocupação crítico, com mais de 80% de lotação.

Confira como estão as ocupações nos municípios de MS:

Aparecida do Taboado 80% das 10 vagas existentesAquidauana 87,5% dos 8 leitos existentesBataguassu 100%, das 5 vagas existentesCampo Grande 82,2%, das 354 vagas existentesCorumbá 94,12%, dos 17 leitos existentesCosta Rica 100%, de 10 vagas existentesCoxim 100%, de 8 vagas existentesDourados 85,19% de 81 leitos disponíveisJardim 83,33%, de 6 vagas existentesNaviraí 100%, de 15 vagas existentesNova Andradina 100%, de 8 vagas existentesParanaíba 100%, de 10 vagas existentesPonta Porã 100%, de 30 vagas existentesSidrolândia 60%, de 5 vagas existentesTrês Lagoas 84,09%, de 44 vagas existentes

midiamax